A pedra no sapato de Henrique para assumir ministério de Dilma

Está ficando cada vez mais difícil o presidente da da câmara dos deputados Henrique Eduardo Alves (PMDB),que deixa o mandato de deputado em fevereiro, ser ministro no futuro governo da presidente Dilma Rousseff (PT).É que o Jornal Estado de São Paulo estampou hoje ter tido acesso a lista de nomes de políticos supostamente envolvidos no Petrolão denunciados pelo ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa.
O nome de Henrique Alves consta da lista.
Em nota à imprensa Henrique negou tudo.

Deixe uma resposta