Calypso: Joelma chora e Chimbinha é “expulso” do palco durante show em Teresina

A Banda Calypso se apresentou pela primeira vez na noite deste sábado (3) após a anulação da medida protetiva que impedia o guitarrista Chimbinha de se aproximar de sua mulher, a vocalista da banda, Joelma. O show aconteceu na casa de shows Mangangá na zona Sul de Teresina e o resultado foi desastroso: Joelma só cantou quando Chimbinha deixou o palco sob vaias do público e chorou durante grande parte do show.
O show começou pouco depois das 22h e, embora fosse ouvida, Joelma não foi vista pelo menos durante a execução das sete primeiras músicas da apresentação. O motivo: a cantora estava no camarim da banda, se recusando a cantar ao lado do marido.
Relatos de fãs que estavam na plateia, ansiosos pelo retorno do casal aos palcos e, especialmente, pela presença da banda na capital piauiense demonstram profunda decepção. Quando voltou ao palco, a situação foi ainda mais embaraçosa, segundo contram os fãs.
“Ela entrou desconfigurada, de preto, com um figurino que nunca foi de costume dos shows e se recusou a dançar e cantar se Chimbinha não saísse do palco. A banda começou a sair do palco, baterista caiu no chão chorando, bailarinos sentam no chão chorando, Joelma se ajoelha e pede forças e diz ‘Eu não consigo’. As pessoas que lotaram a casa de shows se deprimiram”, descreveu um dos que assistiram ao show.

Deixe uma resposta