Governo do RN acompanha primeira exportação de gado para o Senegal

Ontem foi um dia histórico para a agropecuária do Rio Grande do Norte. Após décadas sem comercializar qualquer tipo de animal bovino para fora do Estado, nesta segunda-feira, está sendo embarcado, com apoio do Governo do RN, o primeiro avião cargueiro com 178 cabeças de gado da raça Guzerá para o Senegal, na África Ocidental. 

Durante toda a tarde de ontem, os animais foram acomodados nos contêineres apropriados, que serão despachados na aeronave prevista para decolar às 23 horas da noite, do Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante. Na operação, o país africano compra o gado, através de agente selecionado, e distribui entre criadores e municípios para viabilizar o melhoramento genético.
 
A operação de embarque dos animais foi acompanhada pelo secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca do RN, Haroldo Abuana, pelo presidente da Associação Norte-rio-grandense de Criadores (ANORC), Antônio Teófilo de Andrade, pelo presidente da Federação da Agricultura do RN (FAERN), José Vieira, e pelos criadores representados pelo exportador Camilo Collier. Esta é a primeira exportação potiguar de gado após o Estado ser reconhecido internacionalmente como área livre de febre aftosa com vacinação, há sete meses. A operação faz parte de um programa de exportação de banco genético para melhoria da qualidade da genética africana.

Deixe uma resposta