MOSSORÓ: Emater-RN e parceiros fazem reunião técnica sobre a cajucultura

Na próxima terça-feira (30), técnicos da Emater-RN da região de Mossoró, e representantes da Ufersa, Emparn e Banco do Nordeste se reúnem para discutir aspectos técnicos sobre a cajucultura na região de Serra do Mel. O encontro será às 15h30, na sede do Banco do Nordeste em Mossoró, onde os participantes formularão um calendário de atividades relacionadas à cultura do caju, como por exemplo, melhor época de plantio, substituição da copa do cajueiro e de calagem, que consiste na utilização de calcário no solo para correção de acidez, entre outros itens. Essa reunião é parte do Projeto de Reestruturação da Cajucultura em Serra do Mel, através de um trabalho sistemático de extensão rural e orientação técnica aos cajucultores, através da organização social das famílias envolvidas, garantindo o acesso as políticas públicas trabalhadas pela instituição promovendo desenvolvimento ao município. Outro encontro, dessa vez voltado aos produtores, aconteceu no dia 17 de maio, na Vila Pará, com o objetivo de iniciar a elaboração dos projetos de crédito para a recuperação da cajucultura. Participaram, nesse primeiro momento, agricultores familiares das vilas Maranhão, Amazonas e Pará. Os extensionistas da Emater-RN apresentaram as linhas de crédito disponíveis, para que tenham meios de estruturar as propriedades para o desenvolvimento da atividade. Também foi discutido o financiamento no âmbito do custeio agrícola para implantação de áreas dizimadas pelas sucessivas estiagens que o município vem sofrendo. Estão sendo programadas outras reuniões sobre crédito em parceria com o Banco do Nordeste, para produtores, segundo o assessor regional de convivência com o semiárido em Mossoró, engenheiro agrônomo Alberto Hudson Souza. Com o acesso ao crédito, os produtores terão meios para adquirir, por exemplo, tratores, caminhonetes, equipamentos para a cajucultura e custeio. 

Deixe uma resposta