MOSSORÓ: “Recebi um convite divino”, diz empresário que vai construir o Santuário em Mossoró

O empresário pernambucano Antônio Pacheco da Silva Filho vai construir sozinho o Santuário de Santa Luzia, em Mossoró. É uma homenagem a sua mãe, Lucélia Pacheco, devota de Santa Luzia. As obras, conforme o prefeito Francisco José Júnior, devem iniciar em agosto. Precisa apenas das licenças ambientais e encerrar a negociação com os proprietários das terras.
Veja mais
Pernambucano fará doação de mais de R$ 15 milhões para construir o Santuário de Santa Luzia
Antônio Pacheco declarou durante a assinatura do termo de compromisso, na tarde deste domingo (26), na Serra Mossoró:
“Recebi um convite divino e este convite não tinha propósito em lugar nenhum. De repente um colega anunciou que Santa Luzia precisava criar esta imagem dela aqui (em Mossoró) e eu comprei a ideia e estamos aqui para concretizar esta ideia”, explica.
Antônio Pacheco é de poucas palavras. Ele não classifica a obra como investimento.
“Não existe investimento. Houve a coincidência de um amigo que falou de um projeto. No momento que ele falou do projeto, que era um santuário, então eu deletei todo sentido de investimento e de algum retorno. Então eu abracei a causa do Santuário, sem ter nenhum vínculo político”. Quando foi perguntando quanto vai investir: ele disse: “tudo. Só que não quero nenhum vínculo político. Não aceito. Não vai ser admitido nenhuma interferência política”.

Deixe uma resposta