Polícia de SP prende três militares do Exército com três toneladas de maconha

Foto ilustrativa
Três militares do Exército e mais duas pessoas foram presos, em flagrante, na madrugada de hoje (28), em Campinas, cidade distante cerca de 90 quilômetros de São Paulo, por porte de drogas. Com o grupo, os policiais apreenderam três toneladas de maconha.
Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, uma equipe da 5ª Delegacia da Divisão de Investigações sobre Entorpecentes (Dise), do Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (Denarc), investigava há três meses o envolvimento dos presos com o tráfego de drogas. No meio da apuração, os policiais descobriram que o carregamento de maconha seria entregue em uma empresa desativada, utilizada como estacionamento, em Campinas.
Quando os policiais se prepararam para dar voz prisão, os suspeitos perceberam que eram vigiados e tentaram fugir em veículos, um dos quais um caminhão do Exército. Houve troca de tiros que deixou um dos suspeitos feridos. É um cabo do Exército, que foi socorrido no hospital de Limeira, de onde seguirá detido para o Denarc. Outros dois cabos que estavam no caminhão foram presos e assumiram que transportavam o entorpecente, procedente de Campo Grande (MS).

Deixe uma resposta