TORCEDOR QUE ATIROU BANANA EM DANIEL ALVES É BANIDO PELO RESTO DA VIDA

      Por meio de seu site oficial, o Villarreal informou que
identificou o torcedor que atirou uma banana no brasileiro Daniel Alves, no
último domingo, durante partida entre a equipe e o Barcelona, pelo Campeonato
Espanhol. O “Submarino Amarelo” avisa, inclusive, que já tomou providências
para que isto nunca mais se repita. “Graças às forças de segurança e à
inestimável colaboração da exemplar torcida amarela, o clube já identificou o
autor (do ato racista) e decidiu retirar seu carnê de sócio, além de proibir seu
acesso ao estádio El Madrigal pelo resto da vida”, escreveu o Villarreal ao
ESPN.

     O clube amarelo também disse que “lamenta
profundamente” o ocorrido em seu estádio, e assegurou que preza pelo “respeito”
e pela “igualdade”, ressaltando que nunca irá tolerar atitudes racistas ou
xenófobas em seu campo de jogo. Após a polêmica partida, Daniel Alves disse que
já vem sofrendo com a descriminação há 11 anos, desde que deixou o Brasil para
atuar no futebol espanhol, mas assegura que se cansou de vez: “Tenho que rir
desses retardados”, disparou.

Deixe uma resposta