Vaqueiro é executado a tiros de doze e pistola perto de Janduis

O vaqueiro Leonardo Régis da Silva Santos, conhecido por Bandeirante (foto) de 27 anos, foi morto a tiros por volta das 14h deste domingo,23, entre as cidades de Janduis e Campo Grande, no médio Oeste do Rio Grande do Norte.
As primeiras informações são de que a vítima se dirigia da cidade de Janduis para sua casa no Sítio Monte Alegre, onde fazia serviços na Fazenda Veras, quando teria sido abordado por ocupantes de um veículo branco e terminado executado com tiros de doze e pistola.
No local havia indícios de que os assassinos estavam de tocaia.
Bandeirante era aposentado por sofrer de esquizofrenia.
A Policia Militar esteve no local, isolou a área onde se encontrava o corpo e acionou a Policia Civil, a quem compete investigar o que aconteceu. Por sua vez, a Policia Civil acionou o Instituto Técnico-científico de Policia (ITEP) para remover o corpo para exames em sua sede em Mossoró.
DeFato.com

Deixe uma resposta