“Vivemos hoje um grave momento de crise devido à seca e temos que pensar não só em medidas emergenciais”, diz Rafael Motta

O deputado federal Rafael Motta, vice-líder do PROS na Câmara dos Deputados, participou na manhã desta sexta-feira (13) de audiência pública na Assembleia Legislativa sobre a seca. Segundo o parlamentar, é o momento de se discutir estratégias para a convivência com a estiagem do interior do Estado e buscar medidas emergenciais, uma vez que 95% dos municípios potiguares estão em situação de calamidade devido à falta d’água.
“Vivemos hoje um grave momento de crise devido à seca e temos que pensar não só em medidas emergenciais, como a operação carro pipa, mas também discutir estratégias de convivência com a falta de chuvas, uma vez que o clima semiárido atinge 90% do território potiguar. A população não pode mais viver na dependência de um inverno generoso”, afirmou o deputado federal, que tem como uma das bandeiras na Câmara dos Deputados, justamente, a discussão sobre problemas causados pela estiagem no Nordeste.
A audiência pública, proposta pelo deputado estadual Hermano Morais (PMDB), tem participação da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), da Secretaria de Estado de Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape), do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA),da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn), da Federação dos Trabalhadores da Agricultura (Fetarn) e da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), além de prefeitos e representantes da sociedade civil.

Deixe uma resposta