BRASILEIRO CRIA MICROSSENSOR PARA ESTUDAR SUMIÇO DE ABELHAS NO MUNDO

     Cientista lidera equipe em laboratório localizado na Tasmânia. Morte de abelhas ainda é mistério; uso de pesticida é provável causa



     Um brasileiro que vive na Austrália pode ajudar, com sua pesquisa, a responder uma das questões mais intrigantes do mundo científico atual: por qual motivo as abelhas estão sumindo em várias partes do mundo?
     Paulo de Souza, físico de formação, é o pesquisador líder da área de microssensores da Organização de Pesquisa Industrial e Científica da Austrália, conhecida pela sigla Csiro. Baseado na Tasmânia, desde setembro passado ele acompanha um experimento com o intuito de determinar o que tem impactado a vida desses insetos.
     Souza foi responsável por desenvolver um sensor, com tamanho de 2,5 por 2,5 milímetros e peso de 5 miligramas, que é colocado nas costas dos insetos. Ele funciona como um “crachá de identificação”, pois transmite dados e registra o que acontece com o inseto.

     O objetivo do microaparelho é acompanhar passo a passo os movimentos de 5 mil abelhas, examinando a polinização feita por elas e sua produção de mel. Cada um deles custa cerca de R$ 0,63.
Importância

    A mortalidade de abelhas ao redor do planeta ameaça ambos os processos. Entre as possíveis causas já listadas estão o uso excessivo de pesticidas, como os neonicotinoides, excesso de parasitas que afetam esses insetos, poluição do ar e da água, além do estresse causado pelo gerenciamento inadequado das colmeias.

    Investigar essas e outras hipóteses é importante, porque pode evitar um possível caos ambiental. O declínio, de acordo com o pesquisador, põe em risco a capacidade global de produção de alimentos.
    Para se ter ideia, segundo a Organização das Nações Unidas, os serviços de polinização prestados por esses insetos no mundo – seja no ecossistema ou nos sistemas agrícolas — são avaliados em US$ 54 bilhões por ano. Além disso, 73% das espécies vegetais cultivadas no mundo são polinizadas por alguma espécie de abelha.
    Somente na Austrália, local dos testes, cerca de 17% de todo o alimento plantado no país, como as frutas, nascem graças à polinização feita tanto por abelhas domesticadas, quanto por espécies selvagens.
Experimento com pesticidas

Para implantar o sensor nos insetos, os pesquisadores adormecem as abelhas ao colocá-las na geladeira a uma temperatura de 5ºC. Depois, usam uma supercola para fixar o microssensor. De acordo com Souza, o miniequipamento não atrapalha o voo.

Os testes na Tasmânia são feitos com quatro colmeias. Duas vivem no ambiente natural da região, que é considerada uma das menos impactadas pela poluição do ar e da água.
Elas estão a um quilômetro de distância de outras duas colmeias, que recebem constantemente pequenas doses de agrotóxicos neonicotinoides no alimento (que tem origem na molécula de nicotina).
    Esses defensivos agrícolas já foram banidos em alguns países por suspeita de intoxicar as abelhas, em um fenômeno chamado de “distúrbio do colapso das colônias”, quando os insetos não retornam às colmeias e morrem após o corpo sofrer um “curto-circuito” possivelmente devido à excessiva exposição a determinados compostos químicos.
    De acordo com Souza, os primeiros resultados do teste mostraram que as abelhas com sensores que tiveram contato com os defensivos demoravam mais para voltar à colmeia – ou nem voltavam. “Os neonicotinoides alteraram o comportamento delas”, disse Souza.
    A meta do brasileiro, que lidera uma equipe com outros 13 profissionais, é desenvolver um sensor de 1,5 milímetro até o fim deste ano. Em quatro anos, o tamanho atual deve diminuir em 20 vezes, de forma que será implantado na abelha com a ajuda de um spray.
Testes no Brasil

    Ainda no segundo semestre deste ano, a investigação atravessa o oceano e troca de continente. As abelhas do Brasil serão o alvo da pesquisa, principalmente as que vivem na Amazônia.

    De acordo com Souza, o estudo será feito em parceria com o Instituto Tecnológico Vale, braço da mineradora Vale que é voltado ao desenvolvimento sustentável.
    Serão implantados entre 10 mil e 20 mil sensores nos insetos para saber se há algum tipo de impacto negativo que influencie a polinização das abelhas.

GOVERNO PUBLICA NOVO DECRETO DE SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA POR SECA.

     O novo Decreto de Estiagem Nº 24.209, de 24 de março de 2014, foi publicado nesta terça-feira (25), no Diário Oficial do Estado. O documento declara situação de emergência nas áreas dos Municípios do Rio Grande do Norte, afetados por desastre natural climatológico por estiagem prolongada que provoca a redução sustentada das reservas hídricas existentes.
       Considerando que a condição hídrica dos municípios ainda apresenta um quadro de gravidade no abastecimento de água, pois os principais reservatórios localizados no Estado do Rio Grande do Norte se encontram com percentual de armazenamento em torno de 25% a 30% de sua capacidade máxima, nos termos da manifestação expedida pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN).

     A Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (CEDEC), órgão vinculado à estrutura desconcentrada da Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania (SEJUC), por meio do Parecer Técnico n.º 001/2014, de 11 de março de 2014, atestou a continuidade do quadro característico de Situação de Emergência.

ESTÁ CHEGANDO A HORA: MARCÃO PREFEITO DE LAJES

Estão sendo contados os dias e as horas para sabermos qual será a decisão do prefeito Benes Leocádio (PMDB) sobre as eleições de 2014. As especulações são inúmeras sobre sua candidatura a Assembleia Legislativa e a Câmara Federal, como todos sabem, Benes tem recebido o apoio de correligionários e de lideranças como prefeitos e vereadores de muitos municípios do RN. Benes, assim como qualquer politico que tem mandato e quer concorrer as eleições deste ano tem até o dia 4 de abril para renunciar ao cargo e ficar apto para registrar sua candidatura.
E se isso acontecer, o vice-prefeito, José Marques Fernandes, o Marcão, assumirá o comando do Palácio Alzira Soriano e ele será o novo prefeito de Lajes com mandato garantido até o dia 31 de dezembro de 2016. Neste caso, estando no mandato, Marcão poderá ser o candidato natural do PMDB nas eleições municipais, ele terá praticamente dois anos para viabilizar a sua candidatura, buscar o apoio dos eleitores.
Apesar de vários nomes já serem cogitados, e algumas lideranças já esta trabalhando e buscando caminhos para emplacar no favoritismo do eleitorado, Marcão terá tempo e condições para mostrar o seu trabalho e garantir apoios dentro do bloco governista, assim como também de lideranças que hoje apresentam-se como oposição. José Marques é um administrador experiente, será o grande momento da politica em sua vida.
Vale também lembrar aos leitores aqui do Blog do RC que essa é uma situação possível de acontecer, mas também, mesmo Benes não renunciando ao mandato para concorrer às eleições de 2014, o processo que cogitamos nesta matéria também pode ser viabilizado por Marcão com Leocádio no comando da Prefeitura.
Fonte: Robson Cabugi

VAGÕES DE LOCOMOTIVA DESCARRILHAM NA ESTAÇÃO DA RIBEIRA, EM NATAL

     Incidente aconteceu na manhã desta terça-feira (25); ninguém ficou ferido. Trem fazia primeira viagem do dia, na linha de Ceará-Mirim a Natal.

     Dois vagões de um dos trens que faz o transporte de passageiros de Ceará-Mirim para Natal descarrilaram na manhã desta terça-feira (25) quando a locomotiva se aproximava da estação final, no bairro da Ribeira, zona Leste da capital. Ainda não se sabe quantas pessoas estavam nos vagões, mas não há registro de feridos.
    A Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) informou, por meio da assessoria de imprensa, que ainda não tinha tomado conhecimento da situação. Entretanto, funcionários da Companhia confirmaram que o acidente pode prejudicar o transporte de trens na Grande Natal até que os vagões sejam removidos.
    Há duas linhas que fazem o transporte na região Metropolitana. Uma delas é a que descarrilou. A outra, vai e volta para o município de Parnamirim. Com o acidente, a segunda locomotiva fica impedida de chegar à estação final. A CBTU ainda não deu prazos para a resolução do problema.

IN FOCO……….

AS PRINCIPAIS MANCHETES DOS JORNAIS DO DIA:

Tribuna do Norte: Inauguração do novo aeroporto fica para maio
O Mossoroense: Exportação de frutas para o Chile movimentará R$ 1,6 milhão por mês
Gazeta do Oeste: Violência urbana registra mais três mortes na cidade
De Fato: Claudia, Larissa e Silveira escolhidos
Novo Jornal: Abertura do novo aeroporto adiada
Diário do Nordeste: Cid anuncia R$ 10 bilhões e reclama de lentidão em obras
Globo: Agência rebaixa nota do Brasil
Folha: Agência rebaixa nota do Brasil
Correio Braziliense: Agência aponta erros de gestão e rebaixa o Brasil
Estado de Minas: O preço de um crime
Jornal do Comércio: Recifense quer ciclovias
Zero hora: Contas públicas rebaixam nota de crédito do Brasil
Valor Econômico: S & P vê piora fiscal e reduz a nota de crédito do Brasil

PREFEITO DE BODÓ CASSADO

     A juíza da comarca de Santana do Matos cassou há pouco o mandato de Tinhá (DEM), prefeito de Bodó, ela acatou denúncia de compra de votos impetrada pelo ex-candidato a prefeito pelo PMDB, Marcelo Porto.

Fonte: Thaísa Galvão

BENTO FERNANDES: PREFEITURA, CÂMARA E ASSOCIAÇÃO AGROVILA QUINTURURÉ CELEBRAM PARCERIA

     Pautados na visão de progresso e parceria pactuadas entre as instituições governamentais e associativista, na noite da sexta(21) o Prefeito Ivanaldo Fernandes, junto ao Presidente da Câmara Jacson Dantas e da Vereadora Francileide Nunes reuniram-se com a representação da Agrovila Quintururé: Nilson Ribeiro, Odair José e Cleise Pereira para tratar de assuntos de melhorias no âmbito da Agrovila, visando o acesso a melhores dias, através de ações conjuntas e exitosa, reafirmando a importância da coletividade e do bem comum.
     Na ocasião a prioridade elencada pela representação associativista tratou da melhoria e limpeza  de lagoa existente na Agrovila Quintururé, sendo necessário a ação parceira da Prefeitura Municipal, para que seja realizada uma escavação e limpeza, objetivando adequar o reservatório de água  para dias futuros de serventia ao consumo humano e animal.
      O Prefeito Ivanaldo confirmou com os presentes a disponibilidade em contribuir através das ações administrativa e parceira para a atividade se realizada com sucesso na comunidade. Por fim, acordou-se no início da semana vindoura o início da operação na comunidade.
Na ocasiaõ os legisladores Jacson Dantas e Francileide Nunes ficaram felizes pelo andamento da discussão em ação de encaminhamento para benefício das famílias assentadas na Agrovila Quintururé.
      Opnião do Blog: Os demais municípios das regiões central e potengi deveriam seguir o exemplo dos poderes executivo e legislativo de Bento Fernandes.

CAIÇARA DO RIO DO VENTO: PREFEITA REFORÇA EQUIPE DE AUXILIARES COM NOVAS NOMEAÇÕES

    A prefeita de Caiçara do Rio do Vento, Ceiça Lisboa, reforça a sua equipe de auxiliares com remanejamento e nomeações. Foram nomeados: ALFEU D’AGATA JUNIOR (Gerente do Departamento de Apoio ao Turismo); FRANCISCO JAERDSON DE LIMA COSTA (Coordenador de Apoio ao Gabinete); WANDERLEYSON FAGNER BARBOSA (Chefe do Núcleo de Postos de Saúde). MARINALVA RIBEIRO DE LIMA FREITAS (Gerente do Departamento de Apoio ao Gabinete); JOSENILDO PONTES FEITOSA (Chefe do Núcleo Auxiliar do Gabinete Civil).
    ANTONIO MARCOS DOS SANTOS, foi exonerado do cargo de Chefe do Núcleo Auxiliar do Gabinete e nomeado para o cargo de Coordenador de Apoio ao Gabinete. Raimundo da Câmara Pegado, foi exonerado do Cargo de Chefe do Núcleo da SEMOAM. As portarias foram publicadas com data de 20 de março.
Fonte: Blog de Assis Silva

EMATER REALIZA LICITAÇÃO PARA A CONSTRUÇÃO E MONTAGEM DE ABATEDOUROS NO INTERIOR DO RN

         A Emater está promovendo tomada de preços para realizar licitações destinadas à construção e montagens de 11 Unidades de Processamento de Carne (abatedouros), abrangendo municípios de todas as regiões do Rio Grande do Norte. Já foram realizados processos licitatórios nos municípios de Ceará Mirim, Nova Cruz e Vera Cruz, na região agreste potiguar.
Ao todo, o investimento orçado é da ordem de R$ 4 milhões, procedentes do Governo Federal, com contrapartida do Governo do Estado, e parceria com prefeituras municipais.
       Os abatedouros a serem construídos e os concluídos serão contemplados com uma unidade de abate, tratamento sanitário e equipamentos de higienização adequados às normas da Legislação Sanitária e Ambiental. O objetivo é garantir a segurança alimentar e nutricional da população consumidora desses produtos, fortalecendo a agroindústria familiar com a inclusão de carne no mercado formal, através da certificação do Instituto de Defesa e Inspeção Sanitária do Rio Grande do Norte (Idiarn).
     De acordo com a presidente da Comissão de Licitação da Emater, a pregoeira Sônia Holanda, os outros oito municípios beneficiados são Angicos, Taipu, Pedro Avelino, Baraúna, Florânia, Acari, São José do Seridó e Santa Cruz. As licitações dos abatedouros, nessas localidades, serão agilizadas ainda no primeiro semestre deste ano.
Fonte: Blog de Assis Silva